Saturday, December 11, 2010

eu vou sobreviver

Tem dias que as coisas todas parecem fora de lugar, mesmo estando onde elas sempre estiveram.
Eu sei isso acontece com todo mundo.
É quando, mais que isso, parece que elas estão erradas por estarem no mesmo lugar a tanto tempo.
Eu sou daquelas pessoas que vive fugindo do agora, que vive se enroscando no passado ou no futuro,desenterrando coisas ou construindo ilusões, sempre com medo de ser feliz ou infeliz demais.
Tenho, nos últimos meses visto crescer no meu peito um bichinho desses que a gente guarda como no fundo de um baú, e de repente ele está lá, imenso roendo o seu peito, comendo o seu coração como uma traça velha.
Eu já sabia que não era exatamente feliz, mas também sabia que não precisava ser.
Eu só acordando dia após dia, olho no teto do quarto, a luz da manhã alta me forçando a acordar e eu dizendo na cabeça " Eu vou sobreviver, eu sempre sobrevivo."
Mas ai eu cheguei a conclusão que estou vivendo errado e desperdiçando a minha vida. Não é uma questão de ser feliz ou não, é uma questão de ser tudo que eu posso ser, o que não está acontecendo.
A vida me deu a dádiva de existir, e eu nem sei o que sou.
Não uso nem um quinto do que sou.
Me resignei a essa vida de pássaro na gaiola, de princesa na torre, de dinheiro no cofre, de medo do mundo.

2 comments:

Croatã said...

Sempre li blogs de pessoas que conheço, mas nunca comento... pelo menos não até esse seu post do dia do meu aniversário! Enfim, acho que tudo se resume a um medo inexplicável de chagar ao 30 ainda sem ter chegado onde queríamos quando tínhamos 15...

llq said...

Possibly the most amazing blog that I read all year vintage wedding!?!